China

Verifique o seu processo

Informação de vistos: China


A partir do dia 9 de Dezembro de 2019, entre os 14 e 77 anos de idade é necessário fornecer as impressões digitais. Agora será necessário a presença do próprio no centro de vistos em Lisboa.

Ao não poder solicitar um visto para si, a Expediatur oferece o serviço de verificação do seu expediente. Ou seja, verificamos que os seus documentos estejam corretos para que possa fazer a marcação no centro de vistos de Lisboa e solicitar o seu visto para a China.

Faz-se notar que desde 10 de Maio de 2019, o formulário está disponível online (é obrigatório e a versão em papel já não existe): deverá completá-lo e imprimir as 8 páginas e assinar em dois locais. O tempo requerido é de aproximadamente 45 minutos.

 

Prazo aproximado para obtenção do visto

  • 4 dias para um procedimento normal
  • 2 dias para procedimento urgente

A Embaixada recomenda que envie o pedido de visto um mês antes da partida.

 

Duração da estadia

30 dias no máximo para todos os tipos de visto

 

Entradas

  • 1 entrada - validade do visto 30 dias
  • 2 entradas - validade do visto de 30 dias
  • Várias entradas - validade do visto 6 meses
  • Várias entradas - validade do visto de 1 ano
  • A validade do visto começa no dia em que o visto é emitido.

 

Validade do passaporte

  • Deve ser válido por pelo menos 6 meses a partir da data da solicitação.
  • Para um visto de entrada múltipla válido por 6 meses, ele deve ser válido por pelo menos 9 meses.
  • Para um visto de entrada múltipla válido por um ano, ele deve ser válido por pelo menos 15 meses.

 

Vistos

Existem diferentes tipos de visto para a China:

Visto para assuntos comerciais

Emitido em um ambiente comercial.

Visto de turista

Entregue como parte de uma viagem turística.

Visto para reagrupamento familiar

Emitido em conexão com reagrupamento familiar, adoção, visita a cidadãos chineses ou estrangeiros residentes na China. No contexto da visita da família, a estadia não deve exceder 180 dias.

Visto para uma visita aos pais

Emitido para aqueles que pretendem visitar seus familiares que são estrangeiros e que trabalham ou estudam na China, ou para aqueles que pretendem ir para a China para outros assuntos privados, como por exemplo, ir a tribunal, a casamento, tratamento hospitalar.....etc. "Membros da familia" refere-se aos cônjuges, pais, filhos, filhas, esposas de filhos ou filhas, irmãos, avós, netos, netas e pais-de-lei.

Se a duração for superior a 180 dias, será um visto S1.

Se a duração for inferior a 180 dias, será um visto S2.

Visto de trabalho ou representação artística

Emitido como parte de um desejo de trabalhar na China.

Visto de trânsito

Emitido como parte de um trânsito pela China entre dois países.

Visto como membro da tripulação

Emitido quando uma pessoa é membro de uma tripulação servindo a bordo de um trem, barco ou avião, um motorista de transporte internacional e a família dos tripulantes de navio mencionados acima que os acompanham.

Visto de Estudo

Emitido como parte de estudos.

Para estudos de longo prazo de mais de 180 dias, será um visto X1.

Para estudos de curta duração com menos de 180 dias, será um visto X2.

Introdução de visto para talentos

Emitido no âmbito de competências correspondentes a pedidos especiais e urgentes da China.

Visto de Jornalista

Emitido como parte do jornalismo.

Jornalista estrangeiro permanente que deseje trabalhar na China para a imprensa estrangeira, por um período superior a 180 dias, será um J1.

Jornalista estrangeiro que deseja reportar na China por um curto período de tempo, por menos de 180 dias, será um J2.

Visto de residente permanente

Emitido como parte de um desejo de residência permanente na China.

 

ISENÇÃO DE VISTO PARA VIAGENS DE TURISMO OU NEGÓCIOS PARA ESTADAS ATÉ 144 HORAS

A Isenção de visto para viagens de turismo ou negócios para estadas até 144 horas vigora nos municípios de Pequim, Xangai e Tianjin e nas províncias de Hebei, Jiangsu, Zhejiang e Liaoning. Este regime abrange apenas deslocações para fins de turismo ou negócios para estadas até um máximo de 144 horas (i.e. 6 dias), incluí 53 países, entre os quais Portugal, e apenas se aplica nos seguintes postos de fronteira:

  • Aeroporto Internacional de Pequim – Capital;
  • Estação Ferroviária Oeste de Pequim;
  • Aeroporto Internacional de Tianjin Binhai;
  • Porto Internacional de Cruzeiros de Tianjin;
  • Aeroporto Internacional de Shijiazhuang Zhengding (Província de Hebei);
  • Porto de Qinhuangdao (Província de Hebei);
  • Aeroporto Internacional de Shenyang Taoxian (Província de Liaoning);
  • Aeroporto Internacional de Dalian Zhoushuizi (Província de Liaoning);
  • Aeroporto Internacionalde Pudong (Xangai);
  • Terminal Internacional de Cruzeiros do Porto de Xangai;
  • Terminal Internacional de Cruzeiros do Porto de Wusongkou (Xangai);
  • Estação Ferroviária de Xangai;
  • Aeroporto Internacional de Nanjing Lukou (Nanjing, Província de Jiangsu)
  • Aeroporto Internacional de Xiaoshan (Hangzhou, Província de Zhejiang).

Os visitantes necessitam de ter um título de viagem internacional válido e bilhetes indicando datas e destinos confirmados para um outro país ou região.

 

Provincia de Hainan

Para a província de Hainan e estadias até 30 dias, cidadãos portugueses podem viajar sem visto.

Os viajantes devem se registrar em uma agência de viagens de Hainan pelo menos 48 horas antes da chegada a Hainan. Os viajantes devem enviar: informações sobre passaporte, passagens de ida e volta, reservas de hotel e itinerário de viagem a Hainan. Para entrada sem visto, a agência de viagens de Hainan deve enviar as informações dos viajantes ao Departamento de Administração de Entrada e Saída de Hainan 24 horas antes da chegada dos mesmos a Hainan.

 

Hong Kong e Macau

Não é necessário visto. No entanto, se quiser retornar à China após a sua estadia em Hong Kong ou Macau, precisará de um visto. Aconselhamo-lo, neste caso, a solicitar um visto para 2 entradas.

 

Tibete

O acesso ao Tibete está sujeito a permissão especial. Uma agência com uma licença do governo pode emitir para você. A visita deve ser feita com um guia.

Tipos de vistos propostos por Expediatur


Turismo (L) 

Serviço de verificação de processo

Negócios (F)

Serviço de verificação de processo

Negócios (M)

Serviço de verificação de processo

 

Para qualquer outro tipo de visto, entre em contacto conosco através do formulário CONTACTO. Será um prazer atendê-lo.

Perguntas frequentes


É obrigatório um Seguro de Viagem para viajar a China?

Não é obrigatório um Seguro de Viagem para viajar a China, mas aconselha-se fortemente a aquisição de um seguro de viagem/saúde, tendo particularmente em conta que em situações de emergência os custos de cuidados de saúde poderão revelar-se elevados.
 

É obrigatório algum tipo de vacina para viajar a China?

Não é obrigatório nenhum tipo de vacina para viajar a China, mas existem riscos mínimos de contágio de Hepatite B e eventualmente encefalite japónica. Alguns médicos aconselham vacinação para ambas as doenças aos residentes.